Diferenças entre uma escova de bambu e uma de plástico

Vais trocar de escova de dentes? Conhece as diferenças entre escova de plástico e escova de dentes de bambu
As cerdas estão deformadas. O cabo ganhou humidade. A rotina de higiene começa a ser menos eficaz e ameaça inflamações de gengivas e cáries dentárias, mas tu esqueces-te sempre de trocar a escova de dentes, certo? Pois bem, estás sempre a tempo de trocar para uma escova de dentes em bambu (better late than never). Além disso, lembra-te que os dentistas aconselham a troca de 3 em 3 meses. Um sorriso cada vez mais sustentável e sem escova de plástico… coisa linda!

A consciência ambiental tem-se tornado cada vez mais relevante para o nosso bem-estar e para o futuro do planeta. Por isso, recomendamos hábitos de higiene diários que incluam produtos com materiais sustentáveis, como escovas de dentes em bambu, as alternativas mais amigas do ambiente que permitem um sorriso saudável! 

Diferenças entre escova de plástico e escova de dentes em bambu

No que toca ao aspeto, as escovas de plástico convencionais são muito semelhantes às escovas de dentes em bambu – ambas têm cabo e cerdas para remover a placa bacteriana e os restos dos alimentos dos dentes - mas o material utilizado na produção é completamente diferente! As primeiras usam plástico, um material que demora cerca de 500 anos a decompor-se e que pode ir parar à boca de animais marinhos que vivem nos oceanos, colocando em risco a sua vida, a cadeia produtiva e até a saúde do planeta. Pelo contrário, a escova de dentes em bambu tem o cabo em bambu 100% biodegradável, pode ser reinserida no solo, e mesmo que a deites para o lixo “só” demora 30 anos a desaparecer. É fabricada em bambu com cerdas de nylon ou poliéster ou até cerdas infundidas com carvão ativado, que podem ajudar no branqueamento dos dentes. 

E reciclar as escovas de dentes de plástico?

As escovas de dentes de plástico são difíceis de reciclar e pouco atrativas financeiramente, porque apresentam muitos componentes: cabo de plástico, cerdas de nylon e apliques de metal para fixar as cerdas ao cabo, que têm de ser separados antes da reciclagem. Simplesmente, não sendo economicamente viável, acabam em aterros ou nos rios e oceanos. Como alternativa, porque não começar a fazer escolhas ambientalmente conscientes e usar escovas de dentes orgânicas e biodegradáveis, com cabo de bambu?

Principais motivos para trocares a tua escova de dentes de plástico por uma escova em bambu

  • Material Regenerativo - Uma escova de dentes de bambu é mais ecológica. A sua produção é sustentável porque o bambu é uma árvore que cresce rapidamente e como tal, não gera desequilíbrio ambiental. Além disso, o tipo de corte no bambu, se for bem feito, permite a regeneração da árvore até mais 100 anos! 
  • Menor desperdício - Mais de 96% de uma escova de dentes em bambu é biodegradável (podendo ser até 100% se as cerdas também o forem), tornando-a escolha lógica para quem deseja seguir uma rotina de cuidados pessoais e domésticos com baixo desperdício.
  • Propriedades antibacterianas - quando armazenado de forma correta, esta característica reduz a proliferação de germes e fungos na boca.
  • Esteticamente agradável - as escovas de dentes de bambu não parecem muito mais elegantes do que suas contrapartes de plástico de aparência barata? A aparência natural fica especialmente bonita numa casa de banho minimalista ou neutra.

Onde comprar escovas de dentes em bambu?

Em qualquer loja online ou loja física que venda produtos de higiene orgânicos, como a Yourganic! Se clicares aqui, podes encontrar escovas de dentes em bambu e pastas de dentes naturais para deixares o teu sorriso mais branco e ecológico!

Pelo interesse demonstrado sobre este tema, que consideramos relevante, gostaríamos de te agradecer com um pequeno presente para usar na primeira encomenda - Adiciona o código YG-BLOG15 no fase final do Checkout. 

Nós agradecemos por ajudares a nossa missão e por contribuíres para um estilo de vida mais sustentável. 

Escreve um comentário

Todos os comentários são moderados antes de serem publicados